Saúde e Bem estar

Máscaras: Aprenda a usar corretamente

Conheça a diferença entre o modelo indicado pela Anvisa e o modelo cirúrgico

Matheus Renary
24/03/20 às 16h40

Desde o surgimento dos primeiros casos do novo coronavírus, o uso de máscaras tem se popularizado, especialmente entre os chineses, que as usam ao caminhar pelas ruas, farmácias, supermercados e aeroportos. No entanto, o uso de máscaras faciais, incluindo o modelo cirúrgico, não é a melhor opção de proteção pois não bloqueia por completo a respiração dos germes.

A principal ideia por trás do uso de máscaras é a filtragem do ar e das partículas, que a partir de um determinado tamanho não são capazes de passar a barreira do tecido; estas são chamadas pelo nome de respirador de partículas, ou N95. No entanto, este modelo é muito diferente do estilo cirúrgico que vem sendo utilizado nas ruas, que não foi projetado para bloquear partículas de tamanhos específicos. Vale destacar que os vírus costumas ser menores que as as partículas de fuligem, por exemplo.  

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

No último sábado, dia 21 de março, a Anvisa - Agência Nacional de Vigilância Sanitária - publicou uma Nota Técnica que orienta os profissionais de saúde a usarem máscara N95, ou equivalente, por um período maior que o indicado pelos fabricantes, desde que a máscara esteja limpa, seca e íntegra. "A Agência não orienta o uso de máscaras vencidas, mas indica o uso além do prazo de validade designado pelo fabricante. Isso porque muitos desses produtos têm indicação de descarte a cada uso", diz a nota.

O texto ainda orienta que o uso de máscara cirúrgica deve ser feito apenas por pacientes com sintomas de infecção respiratória - como febre, tosse e dificuldade para respirar - e por profissionais de saúde e de apoio que prestam assistência a menos de um metro do paciente suspeito ou caso confirmado.

Independente do modelo, as máscaras apenas oferecem uma proteção adicional ao usuário contra as maiores gotículas de fluidos corporais, como as que sem de um espirro ou tosse. Veja a seguir, a maneira correta de vesti-las: 

 RECOMENDADO PARA VOCÊ
EM DESTAQUE AGORA
VEJA TODOS OS DESTAQUES
ÚLTIMAS EM SAÚDE E BEM ESTAR
RARA Gente - A mais tradicional revista de Três Lagoas
Editor responsável:
Ivete Binda Mendonça
agitta@agitta.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2020 - Grupo Agitta de Comunicação.