Bichomania Clínica Veterinária

O que é a coronavirose canina e como tratá-la? Quem esclarece o assunto é a equipe da Clínica Bichomania

É importante ressaltarmos a doença afeta principalmente os pets jovens e a mesma não possui relação com a COVID-19, porém a coronavirose também é uma doença perigosa.

Julia Rafaela - Hojemais Três Lagoas
23/10/20 às 08h36

Com a chegada do novo coronavírus no Brasil e no mundo, surgiram algumas dúvidas e até mesmo notícias fakes em relação a coronavirose canina. No entanto, é importante ressaltarmos a doença afeta principalmente os pets jovens e a mesma não possui relação com a COVID-19, porém a coronavirose também é uma doença perigosa. 

Diante desse cenário, a equipe veterinária da Clínica Bichomania vai se aprofundar no assunto, visando esclarecer o que é a coronavirose canina e como tratá-la. Veja! 

O que é coronavirose canina?

A coronavirose e o coronavírus são doenças bem diferentes, eles pertencem à mesma família, no entanto, são espécies completamente distintas.

Ou seja, ambas as doenças são causadas por um tipo de coronavírus, no entanto, toda a semelhança morre aí, uma vez que a coronavirose canino não ataca humanos e não há provas de que os pets podem ser contaminados pelo COVID-19. 

“Não podemos comparar ambas as doenças, isso é porque é como se estivéssemos comparando um gato a um leão. Porém a coronavirose canina merece sim atenção, uma vez que ela causa desconfortos e prejuízos a saúde dos pets” – afirmou a equipe. 

Os dois tipos de coronavírus canino

O coronavírus representa um grupo grande de doenças, que pode afetar os humanos, os cães e até mesmos gatos. As espécies principais que atacam os cães são elas:

Coronavírus entérico canino : ataca o intestino do pet, causando vômitos e diarreia. É mais comum entre filhotes. No meio médico, é chamado de CCoV ou CECoV. 

Coronavírus respiratório canino: também chamado de CRCoV no meio veterinário, esse vírus ataca o sistema respiratório, levando a um quadro de gripe. Muitas vezes, é o responsável pela chamada “tosse dos canis” ou “traqueobronquite infecciosa canina”.

Formas de contaminação

A contaminação ocorre por meio da ingestão da água ou alimento contaminado, afetando o sistema digestivo e infectando as células do estômago.

Quando essas células são danificadas, elas se tornam incapazes de realizar suas funções causando incômodos nos pets. Além disso o vírus costuma a sair nas fezes e como os peludos não são muito rigorosos no quesito higiene a doença é considerada bastante contagiosa. 

Sintomas da coronavirose canina

  • Vômitos;
  • Apatia;
  • Perda de apetite;
  • Diarreia,
  • Sangue nas fezes.

Diagnóstico e tratamento

Existem alguns exames capazes de identificar a presença do vírus nas fezes, e o tratamento se baseia na terapia de suporte, que visa manter o pet forte, visando combater o vírus. Essas medidas consistem em administração de soro, hidratação intensa, suplementos alimentares, antibióticos, um espaço confortável e muito carinho, uma vez que quando doentes eles ficam extremamente manhosos. 

Hoje, ainda existem muitas dúvidas em relação a cura da coronavirose, no entanto, na grande maioria das vezes o próprio organismo do pet tende a combater a doença. Porém ela pode ser um ser um problema grave, especialmente para filhotes e cães mais velhos e nesses casos é essencial procurar um médico veterinário ainda nos primeiros sintomas. 

Prevenção e vacinação

A prevenção se baseia na higienização, uma vez que o contágio se dá por meio da ingestão. Além disso evite que seu pet tenha contato com animais desconhecidos. 

Vale ressaltar que ue a vacina V8 e v10, presente no calendário básico de vacinação dos cachorros, também serve como uma vacina contra coronavirose canina. Seguir o protocolo de imunização do seu filho de quatro patas é essencial para mantê-lo seguro de diversas doenças.

Já realizou o check up veterinário em seu pet? – Esse check up é fundamental, uma vez que acompanhamento permite a prevenção, diagnóstico e o tratamento de doenças. Cuide da saúde do pet e garanta uma vida mais feliz e alegre para toda a família. 

A Clínica Bichomania possui profissionais qualificados e aptos para atender as mais diversas especialidades. Para saber mais sobre a clínica e agendar o check up veterinário do seu pet clique no botão abaixo. 

Aproveite para seguir a Bichomania nas redes sociais e ter acesso a conteúdos exclusivos.

“Há 20 anos cuidando dos nossos melhores amigos, a Clínica Veterinária Bichomania é um lugar todo especial para os pets e dispõe de uma estrutura adequada para realizar consultas, vacinações, internações e exames laboratoriais. Além disso, somos uma equipe composta por especialistas em cirurgias de pequenos animais, disponíveis, inclusive, para atendimentos emergenciais todos os dias com aparato clínico, farmácia veterinária, pet shop e um centro estético e de embelezamento que tosa e deixa o seu bichinho ainda mais fofo. Tudo isso feito por quem ama o que faz e recebe cada cliente com carinho ou vai até os bichinhos com o serviço de taxi dog”.

 MAIS DE BICHOMANIA CLÍNICA VETERINÁRIA
VEJA TODAS DE BICHOMANIA CLÍNICA VETERINÁRIA
RARA Gente - A mais tradicional revista de Três Lagoas
Editor responsável:
Ivete Binda Mendonça
agitta@agitta.com.br
Todos os direitos reservados © 1999 - 2020 - Grupo Agitta de Comunicação.